RESENHA LIVRO: "GAIA, A RODA DA VIDA", TELMA BRITES


Sinopse: 

Aos 7 anos de idade, Gaia Gottesstein perdeu a mãe de forma misteriosa em um acidente aéreo. Nove anos depois, foi a vez de o pai desaparecer no fundo do mar sem deixar vestígios. Assim, Gaia foi obrigada a deixar a América e as pessoas que amavam para morar sob a tutela dos tios numa cidadezinha da Alemanha. Lá, a jovem se vê envolvida em uma enigmática história ligada ao passado de sua família, da qual é a personagem central. A sobrevivência de Gaia depende da crença e da aceitação dos desígnios a quem está predestinada. Onde está o limite entre a realidade e a imaginação? Gaia será capaz de tomar a decisão certa? Uma história de fantasia, amor, união e... escolhas que vai prender você do início ao fim.

Resenha:

Gaia sempre foi tratada como uma princesa e era super protegida pelo pai- Renato que fazia de tudo para agradar a filha menos ficar com ela. Vivia para o trabalho e ficava muito ausente mas para compensar mandava diversos presentes para Gaia de vários lugares do mundo, mas ela não se importava com aquilo tudo, só queria ter o pai por perto. Sua mãe morreu quando ela tinha apenas sete anos em um acidente aéreo, ainda era uma criança e não entendia muito bem as coisas, só foi surpreendida com a perda.

Ela era criada por Nana, sua babá e meio tia, ela foi criada junto com a mãe de Gaia e se consideravam irmãs. Esta lhe dava todo carinho que faltava da parte paterna. A menina cresceu sem ter contato com o mundo externo. Tinha aulas online e com professores particulares que iam até sua casa para executar as tarefas, nunca saía, vivia trancada, mas tudo que ela quisesse fazer Renato conseguia levar até ela.

Com a morte de Larissa, Renato ficou transtornado e inconformado com o encerramento das buscas, nenhum corpo foi encontrado no Oceano Atlântico. Mas ele conseguia tudo que queria, decidiu começar a fazer suas próprias buscas. Financiou um grupo de pesquisas submarina, era algo muito arriscado, mas estava disposto a pagar o preço. Ele mesmo que ia até as profundezas dentro de um equipamento. Mas ocorreu um problema na comunicação com quem estava operando a máquina e quando esta voltou à superficie Renato não estava mais...

Não bastava perder a mãe Gaia agora perdeu o pai. Antes mesmo de tentar entender a situação já foi mandada para a Alemanha, onde ia ficar sob a tutela de sua tia  Lyra que era irmã de sua mãe. Seu pai pensou em tudo para o futuro da filha menos em passar mais tempo com ela e dar o carinho que ela necessitava.

Gaia sempre evitou pensar sobre si mesma. Preferia implodir que explodir. Era a menina de ferro.

Gaia não sabia o que a esperava, nunca teve contato com essa tia e tinha receio de como seria recebida. Ela morava com o marido Círio e o filho Jaison. Sua babá Nana já estava muito idosa e não podia mais cuidar dela, pelo contrário, agora iria ter uma cuidadora.

Por um tempo a jovem tentou fugir da realidade mas como viu que não teria jeito, resolveu encarar a nova vida e se surpreendeu. Descobriu a liberdade, começou a entender os próprios sentimentos e pensamentos. Antes tudo nela era manipulado e agora podia fazer o que quisesse. Gostava bastante da nova família e ficou feliz em saber que o belo rapaz não é seu primo de sangue, pois já estava flertando com ele. Mais um sentimento novo que estava disposta a sentir.

Tudo parecia estar indo muito bem até que começou a acontecer umas coisas estranhas e para justificar isso seus tios falaram que era algo relacionado à mitologia, algo que ela só via nos livros. Não podia acreditar que fosse real e que estivesse acontecendo justo com ela. Disseram que de acordo com alguns manuscritos acreditam que sua família vem da linhagem após análise astrológica da época. Todas essas informações deixaram a garota confusa e novamente estava se sentindo só, sem ser compreendida.

Este livro traz uma abordagem sobre mitologia e se insere na vida de gaia após ela perder os pais e ir para a casa da tia. Lá eles acreditam muito nas evidências que surgem e acabam a deixando confusa. Eles querem de toda forma fazê-la entender que ela tem um destino, uma missão e só precisa aceitar os fatos, coisa que não será nada fácil, ela se recusa até falar sobre o assunto. Muitas coisas começam a acontecer para tanto para provar que Gaia faz parte desse mundo quanto para avisá-la que ela não tem tempo de se decidir, porque é algo que já está traçado. Gostei da experiência com a leitura e mal posso esperar para ler a continuação.

Agradeço a Telma Brites pela parceria, amei demais.

17 comentários

  1. nossa, me identifiquei demais com essa quote que vc colocou! tbm sou o tipo de pessoa que implode ao invés de explodir, fiquei mt interessada em ler o livro, com certeza super me identificaria com a personagem

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Que resenha fabulosa, fiquei muito interessada na leitura. :)

    Um beijo,

    My Pure Style x My Instagram x My Facebook 

    ResponderExcluir
  3. Só pela sua resenha, já me deu vontade de ler. O livro parece muito interessante e cheio de mistérios.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Monyque, tudo bem?

    Gostei bastante da resenha, mas a premissa do livro não me interessou muito. Acho que não fiquei curiosa o suficiente sobre esse "mistério mitológico" que cerca o livro.

    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Monyque!
    Muito curiosa em poder ler esse livro que parece trazer uma mitologia fantástica!
    Parabéns pela parceria.
    “Sou uma só. (...) Sou um ser. E deixo que você seja. Isso lhe assusta? Creio que sim. Mas vale a pena. Mesmo que doa. Dói só no começo.” (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JUNHO - 5 GANHADORES
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  6. fiquei curiosa com a resenha
    https://retromaggie.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Monique,

    Parece ser um livro bem interessante e misterioso.
    Com certeza leria a obra.
    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  8. Oi Monique, tudo bom?

    Adorei sua resenha, fiquei curioso com o livro agora. Já está em minha lista. Parabéns!!!

    att
    Gustavo Barberá
    http://www.leituraenigmatica.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Monyque!
    Ainda não conhecia o livro, mas a história parece ser muito legal! Adoro mitologia então sua resenha já me deixou curiosa.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  10. Oi Monyque, tudo bem?
    O livro me pareceu interessante, fiquei curiosa para saber mais sobre a mitologia abordada pela autora. Dica anotada!!


    *bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Amazing post, dear! A big hello from Germany!
    Hugs ♥
    LIANA LAURIE

    ResponderExcluir
  12. I love your post and your blog. I just followed you. Please check my blog and will be nice to follow back to support each other. 🙂

    https://minnieart.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Nunca tinha ouvido falar deste livro, mas parece bem interessante!

    Ótima semana,
    http://mylife-rapha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Parece ser um livro bastante interessante.

    www.paginasempreto.blogspot.com.br

    Beijos

    ResponderExcluir